Recuperar Senha

Grupo de Estudos Interinstitucional sobre Igualdade de Gênero reúne-se no TRT-PR

01 de março de 2018 / 14:34

Dando continuidade às reuniões periódicas, o Grupo de Estudos Interinstitucional sobre Igualdade de Gênero no Poder Judiciário e no Ministério Público reuniu-se nesta quarta-feira (28), no gabinete da presidência do Tribunal Regional do Trabalho do Paraná. A Amatra IX foi representada pela associada Vanessa Karam de Chueiri Sanches.

Na oportunidade, as discussões se concentraram no exame de formulário de pesquisa desenvolvido para ser aplicado ainda no primeiro semestre de 2018. Dos dados tabulados e analisados estatística e sociologicamente, se pretende obter retrato das instituições e relatório indicativo das estratégias e ações, para promover a melhora dos índices de igualdade entre homens e mulheres em três etapas das carreiras: ingresso, provimento/progressão e acesso a posições de decisão/administração. As semelhanças e diferenças entre as diversas instituições são levadas em conta e trazem riqueza de situações para as discussões.

A partir dessas discussões preliminares já se projetam propostas para interferir, com efetividade, na questão de gênero e as carreiras jurídicas. Entre elas, a criação e utilização sistemática de banco de dados nas respectivas instituições, que cadastre o perfil de procuradoras ou magistradas em termos de produção teórico-acadêmica, participação em bancas e eventos, além das áreas de interesse de estudo ou pesquisa, tomando para modelo a plataforma de curriculum “Lattes” do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Diálogo com Universidades e internacionalização

Outro tópico da pauta tratou da aproximação com Universidades e identificação de Linhas de Pesquisa acadêmica que tenham afinidade com os objetivos do Grupo de Estudos Interinstitucional, o que deve ocorrer bastante em breve com eventos programados para marcar o Dia Internacional da Mulher (consulte aqui).

Também foram reconhecidos caminhos de aproximação com entidades internacionais com propósitos centrados na questão de gênero. Durante a reunião, a Diretora de Relações Internacionais da Amapar, Juíza Estadual Flávia da Costa Viana, explicou os mecanismos para dialogar com diversas entidades que integra e das quais trouxe experiências positivas, como a União de Juízes de Língua Portuguesa, que agrega magistrados da África, do Timor Leste, Portugal e Brasil; e a International Bar Association, com sede em Londres.

A próxima reunião para validar o questionário que será aperfeiçoado a partir das observações das participantes da reunião ocorrerá no dia 25 de abril, em Curitiba.

Instituições Integrantes

O Grupo de Estudos Interinstitucional foi criado em junho de 2017 e agrega entidades que compõem o sistema de Justiça paranaense e respectivas associações. A iniciativa visa alinhar estratégias e estabelecer critérios para desenvolver temas de interesse comum, consolidando política de participação igualitária de gênero nas carreiras e administrações institucionais.

É composto por representantes do TRT do Paraná, Ministério Público do Trabalho, Ministério Público do Paraná, Tribunal de Justiça do Paraná, Ministério Público Federal no Paraná, Justiça Federal do Paraná, Associação dos Magistrados do Trabalho da 9ª Região (Amatra IX), Associação dos Juízes Federais do Paraná (Apajufe), Associação Paranaense do Ministério Público (APMP), Associação dos Magistrados do Paraná (Amapar).

(Fonte/Fotos: Ascom TRT-PR)